domingo, 6 de abril de 2008

Meu primeiro assalto

Tava eu bem feliz voltando pra praia no Palmares lotado, e pasme, sentada na janela, quando me acordo numa brecada que o busão deu numa quebrada ali em Viamão na 36. Fico prestando atenção, e quando ele entra em POrto, ja tô abancada na primeia poltrona lá da frente pra não perder a parada.

Desci na Igreja São Jorge, e como de custume fiz uma pequena prece pedindo proteção ao meu anjo, já era passado das 9H e eu ali marcando bobeira, só com reza mesmo.

E não é que vem um infeliz cheirando cola e me assalta tchê??
POrra!

E eu também, pedindo né!
De cel na mão( culpada é a Shay :D), adredon e mochila e o cara só leva meu cinco e dez que tinha separado pra dar no T2.

Ele ainda teve a audácia de me chamar de 'tia', e dizer que se eu não ajudasse ele, me furaria com uma coisa que eu imagino ser uma chave de fenda, uma faquinha, sei lá.

Dois segundos depois o ônibus aponta na esquina, subo chorando e o cobrador já me diz:
- Aquele guri te assaltou né?

Buáááááááááááááááááááá

-Moçogurimerobonaotenhodinheroprapassagemoquevofazeragoraolhaaquicomoeutotrmendo...

Coisa triste a marginalidade.


Primeiro e último,espero!

2 comentários:

shay disse...

oh meu deus
agora irei morrer com essa culpa nocoração
uhahuahuahuahuhua
ainda bm q foi soh a grana q levo, deixou o celular \o/ uhahuahua aloooka
tchi adoro princesa bjbjbjbj

Fer disse...

Tsc tsc, pobre menina rsrsrs

Bueno, ainda bem q não foi nada de mais, e agora posso te mandar um FELIZ ANIVERSÁRIO!!!

Tudo de bom pra ti guria!!! E que esse tenha sido teu ultimo assalto rsrsrsrsrs
Relaxa, que tu acabou de sair do teu inferno astral, agora é só festa \o/ rsrsrs

bjussss cunha!