quinta-feira, 12 de março de 2009

Auto libertação

Tô puta da cara com todo mundo. Ninguém está me aturando, nem eu mesma. Pior que eu nem fiz nada, deixei de fazer ou falar por birra, e que cada um tome suas próprias conclusões. Ai que mora o perigo, porque ninguém nunca vai pensar o bem, podendo fuder de vez. O que quiz dizer é: se alguém vê uma toda lambuzada com alguma coisa vermelha, nunca vai pensar ser geléia de morango e sim sangue de alguma desgraça.


A humanidade tende ao caos.


Nessa semana pude entender perfeitamente quando as pessoas dizem que seus dias precisavam ter 30 horas, e nem assim daria tempo para tudo. Ando cansada de mais pra oferecer meu bom dia, embora não passe por cima de ninguém.

Sempre faço favores pras pessoas, me doou, me descabelo, caminho léguas, subo lombas, imprimo, copio, ofereço, vou buscar, vou buscar de novo, e de novo... bem feito pra mim, isso de querer agradar a todo mundo é o maior egoísmo que existe, e a pior forma de falsa modéstia e todos os outros adjetivos ruins da face da Terra.

Que caralho voador mesmo! Ahhhhhhhhhhhhhh.

De agora em diante vão todos se fuder, que caminhem com as próprias pernas, que se arrebentem todos, sangrem até a morte, suprimam, sucumbam e enterrem-se.

2 comentários:

Marcia Paula disse...

Não creio.É só uma fase,vai passar e você vai voltar a ser gentil(mas,concordo que deve moderar seu "egoísmo").Beijinhos.

Huntress disse...

Nossa.. Quanto a parte da falta de tempo, eu consigo entender completamente.. Mas calma, depois da merda por completo, as coisa tendem a melhorar...